Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

3 de julho de 2013

Ranking PA #8 - Os Mais Vendidos no Brasil em Maio

One Piece cada vez mais com folga na liderança

Atrasado, mas finalmente cá estamos com os dados do mês de maio. E sabem de uma coisa? Foi bom adiar a publicação dos dados em mais 15 dias. Houve mais tempo para que as pessoas registrassem suas aquisições e podemos até ver novos títulos com boas posições no ranking.

Mas se tem algo que parece não mudar é o topo, que há alguns meses vem sendo comandado por One Piece, Dragon Ball e Rurouni Kenshin, respectivamente. One Piece consegue cada vez mais folga na liderança, por mais o sistema de porcentagem por um momento faça parecer que a obra venda cada vez menos.

Foram contabilizadas 2177 coleções, e quase 10% disso foi abocanhado por Luffy e cia (213 unidades). Dragon Ball conseguiu aproximadamente 8% (175) e Rurouni Kenshin cada vez mais se distancia da medalha de ouro. Em maio, ficou com 6,29%, o que representa 137 compras catalogadas no site.

Confira o ranking e logo abaixo alguns comentários desse que vos escreve:


O volume final de Another alcança a quarta posição e mostra que foi sim uma boa aposta da JBC, que em virtude do sucesso do gênero já até publica Senhor dos Espinhos, mais um mangá de suspense para quem curtiu a obra.

Maio também marca o retorno de Naruto, que finalmente consegue entrar no nosso top 10! A nona posição é do ninja e, claro, mostra que o mangá continua muitíssimo bem mesmo após 60 volumes, databook e uma versão pocket no mercado.

O volume final de Level E fecha o top 10 e The Innocent, mangá de volume único, abocanha a 11°posição. O mangá parece trazer algo bem diferente do que o público brasileiro está acostumado, então podemos dizer que essa foi uma boa posição? Bem, decidam-se e deixem as respostas nos comentários =P

A 12° foi super disputada, mas não teve jeito. Três títulos empataram: Soul Eater, Beelzebub e... Highschool of the Dead Full Color Edition. Para mim, é uma surpresa ver o mangá de zumbis tão pertinho assim do top 10. Afinal, se trata de um relançamento e de uma versão não tão em conta assim (R$24,90), o que mostra que esse tipo de material é sim bem-vindo no Brasil.

E Kingdom Hearts aparece logo em seguida na 15°posição, seguido de Deadman Wonderland que já apareceu no top 10. Para um mangá não tão popular como um Naruto ou Bakuman da vida, passar do décimo volume e ficar ainda no top 20 pode ser considerado bom, não?

Quem parece não ir muito bem é Blood-C, que estreou na 22°posição, empatado com Blood Lad #7. Isso não deve preocupar os consumidores do mangá, uma vez que ele é curtinho e tem quatro volumes (além de um spin-off já confirmado por aqui).

Depois de muito, muito tempo, saíram volumes novos de Hunter x Hunter no Japão. Para ser mais exato, em dezembro do ano passado. A JBC renovou o contrato recentemente e trouxe, até o momento, o volume #31, que ficou na posição 25. Alguns fatores que podem explicar a posição é que muitos já não aguentam os hiatos do autor, e por isso, desistiram, ou estão esperando o #32 para comprar todos os novos volumes em uma tacada só.

Kekkaishi, nosso querido mangá que corre o risco de ser cancelado já no volume 19 (caso as vendas sejam ruins) aparece quase no final com a 27°posição, empatado com o infinitogésimo relançamento de Os Cavaleiros do Zodíaco. Bem, é sentar e rezar, porque por mais que esses não sejam dados oficiais, refletem em parte o comportamento do consumidor de mangás por aqui, o que significa que as vendas de Kekkaishi podem realmente não andar nem um pouco boas...

E Karin mais uma vez segura a ponta da lista. Com apenas 0,09% (duas unidades...) a série, já no décimo primeiro volume, intriga especialistas da área que se perguntam porque o mangá não corre risco de cancelamento e muito menos atrasa, problema que tanto afeta Kekkaishi, que nesse ranking, parece vender pelo menos dez vezes mais que a obra.

E bem, esses foram meus comentários a respeito dos dados de maio. Procurarei publicá-lo, de agora em diante, dois meses após o mês dos dados. Ou seja, o de maio saiu em julho, e o de junho sairá no início de agosto. Assim teremos dados mais sólidos para apresentarmos. Até mais.

Carlos Moncken

19, carioca, colaborador do Jbox e nas horas vagas estudante universitário.
Leia Mais sobre o autor

  1. Eu só vi Karin 11 na banca ONTEM (e comprei hoje), não é de se estranhar que tenha vendido tão pouco em "maio".

    E eu sou de São Paulo, frequento várias bancas a procura de mangás anunciados, etc.

    ResponderExcluir
  2. Creio que o perfil das bancas tem um sido um pouco diferente em relação aos mangás que mais vende. Tenho feito uma pequena pesquisa, não tão significativa, com algumas bancas da região do grande ABC em São Paulo e um dos mangás que está esgotando muito rápido é o mangá do Kingdom Hearts. Monster é outro mangá que tem esgotado, mas creio que isso se deve ao fato de que estas bancas estão sempre posicionadas perto de faculdades, talvez seja um mangá que tem atraído um público mais velho.

    Quanto ao OP, DB e RK, realmente não tenho dúvidas de que estarão sempre entre os mais vendidos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não tenho a menor dúvida de que o perfil do consumidor médio de banca é diferente do perfil do colecionador que cadastra sua coleção no Guia dos Quadrinhos.

      Excluir
  3. Hunter X Hunter tá muito mal, mesmo. Sei que os números são imprecisos, mas mesmo assim... E falando em obras do Togashi, vão realmente relançar Yu Yu? Há um traço de verdade nisso ou é só boato?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pode somar mais um Hunter x Hunter ai porque esqueci de cadastrar o meu.

      Excluir
    2. Sim, os números são imprecisos. Mas, ainda assim, ficou muito longe de seus colegas de Jump.

      Excluir
  4. Foda, kekkaishi #19 só está em 31 coleções no guia dos quadrinhos, já One Piece #16 está em 250 coleções. =//

    T____T


    ResponderExcluir
  5. Parabéns pela iniciativa, acho o ranking muito válido, já que as editoras não publicam nada sobre o assunto. Estarei acompanhando sempre. Esse ranking deveria ser compartilhado nos blogs parceiros de vocês, para a utilização dos Guia dos Quadrinhos ser mais divulgada.

    ResponderExcluir
  6. Respostas
    1. atenção que é bom... acho que você não leu a parte onde digo que os dados são extraídos do site Guia dos Quadrinhos, né?

      Excluir

Pesquise